Translate

sábado, junho 15

A VELHA CANÇÃO

Não há muito tempo
O som de uma velha canção
Manifestava o porque  falar
Sobre as flores.
Caminhamos e cantamos
Para o bem desta nação.



A algum tempo.
Só falamos sobre as flores
e amores.
Caminhamos e cantamos
em outra direção.

Hoje a alienação.
Muitos esqueceram a velha canção.
O porque falar das flores.
Sem arma na mão.

Os soldados estão armados.
Poucos cantam a velha canção.
Uma pequena flor nasce.
Para o bem desta nação.
caminhando e cantado
e flores nas mãos.
Em alguma direção.

quarta-feira, junho 12

Olhar



Não faz muito tempo!
Uma menina segurava um livro,
E u nem imagino o titulo,
Olhares se encontram,
E muito acontece!
Algo diferente,
Difícil de encontrar
Em outro olhar
A menina se torna mulher
Eu! Sempre o mesmo menino
A sonhar...
Hoje! Continuo a olhar,
A menina mulher,
Que todos os dias,
Tentarei conquistar.

domingo, junho 2

Adolescência


No tempo!
Que já não eramos
crianças, nem adultos,
sempre com os olhos no canto,
olhando e olhando se ela estava 
notando.
Eramos rebeldes! 
daqueles bem sem causa.
nossos ídolos moravam longe!
um oceano de distância!
jogar bola de manhã,
estudar a tarde,
e paquerar a noite,
é uma pena,
que passa e passa,
este tempo!